janeiro 29, 2013

Creme inglês para um sorvete de canela


Tudo começou quando fiz um bolo de claras e me restaram 5 gemas não usadas no preparo. Não queria congelá-las; então procurando por receitas, achei a de creme inglês e logo em seguida a do sorvete de canela. Casamento perfeito!

O creme inglês basicamente é a mistura de leite, gemas e açúcar. Com algumas variações nos ingredientes, a receita é fácil de ser seguida, porém alguns cuidados devem ser tomados para um resultado final bacana.

Dicas rápidas:

  1. Durante o cozimento, em fogo baixo, mexer constantemente para as gemas não talharem;
  2. Caso não se sinta seguro, cozinhe o creme em banho-maria. O tempo de cozimento irá demorar um pouco mais;
  3. Para saber o ponto: o creme dever cobrir as costas da colher. Basta passar o dedo e ver se não escorre. Retire a panela do fogo para testar;
  4. Para esfriar, mexer de vez em quando para não criar película.

Este creme é bastante versátil, pode usado como base para sorvetes, servido como calda para acompanhar fatia de bolo, com frutas, compotas ou para fazer essa receita com panetone que me deu água na boca. Aliás, imaginem trocar o panetone por rabanada... Improvisada e chic não acham?


Creme inglês 
(Ligeiramente adaptada)
A Grande Cozinha - Abril Coleções - Vol: 2


Ingredientes
5 gemas
130g de açúcar 
500ml de leite 
1/2 fava de baunilha ou 5 gotas de essência

Preparo
Corte ao meio a fava de baunilha, no sentido do comprimento, e leve a ferver dentro do leite numa panela. Caso use essência, acrescente após o cozimento final.

Nesse meio tempo, coloque o açúcar e as gemas numa vasilha de metal e bata até obter um creme claro. Acrescente pouco a pouco o leite sobre a mistura, usando o batedor de arame.

Retorne para a panela onde foi fervido o leite. Cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre com uma colher ou espátula. Se dispuser de um termômetro para alimentos, cozinhe até atingir a temperatura de 84°C. Caso contrário, até que as costas da colher esteja coberta e o  creme não escorra mais. (Ler dicas rápidas).

Despeje o creme em outro recipiente, retire a fava de baunilha (ou acrescente a baunilha), raspe-a para incorporar as sementes. Deixe esfriar mexendo para não criar uma película.

3 comentários:

  1. Oi, Fernanda,

    Ontem vim aqui e ia deixar um comentário extenso, onde chegava a comparar o creme inglês com o zabaione italiano. Qual não foi a minha surpresa, quando o computador me informou que a página não estava disponível, quando cliquei o 'publicar', no comentário que escrevi, rsrs.
    Não me esqueci do seu link não, viu, vou mencioná-lo em breve, quando voltar a falar de livros e aí te aviso, rsrs.

    Beijoca!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  2. Fernanda eu moro na Inglaterra e esse creme se chama Custard aqui, amo de paixão, pois não é doce demais e adoro comer com um bolinho, como uma calda. Seu blog é lindo, eu tenho uma revista eletrônica, vem me conhecer! Beijos

    Larissa do vidatododia.com

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário. Isso me incentiva muito.