maio 22, 2010

Geléia de caqui


Desde que descobri que posso fazer geléia e bolo com o caqui, fiquei imaginando como essa fruta é injustiçada. Nunca havia imaginado que poderia fazer algo além de saborear  in natura.  Além disso, sempre  comprava o caqui Rama- forte, aquele vermelho com polpa macia e bem doce. Puro desinteresse pelo novo.  Por causa da receita de bolo de caqui que postarei em breve, descobri o Fuyu - que em japonês significa inverno - e o  Giombo, menor e mais oval. Ambos menos vermelhos que o Rama-forte caindo para alaranjado e com a polpa parecida com a textura da maçã e levemente doces. Deliciosos! Sempre os via mais nunca me interessava em levá-los para casa. Agora só falta experimentar o do tipo chocolate.

O caqui é uma fruta originária da China, rica em vitamina A e a época mais favorável para comprá-los é entre março, abril e maio.  Ainda não provei mais li que servir caqui com um pouco de conhaque fica dos deuses. A geléia, por sua vez, é bem suave. Na realidade achei que a quantidade de açúcar pedida na receita pode ser diminuída .

Para quem nunca fez geléia em casa, nesse link há dicas de como achar o ponto para que não queime e de como acondicionar a geléia em vidros esterilizados. A  minha próxima empreitada com esse doce é colocá-lo cobrindo uma cheesecake. Acho que vai dar certo!




Geléia de caqui

Enciclopédia Bom Apetite - Vol. 3

Ingredientes
1 1/2 de caquis Rama - forte bem maduros
1 kg de açúcar
1/2 casca de limão ( lascas e não raspas)
1 copo de água

Preparo
Lave bem os caquis e tire - lhes o centro e a pele fina que os recobre, tanto que possível. A seguir, passe -os por uma peneira.

Leve o açúcar ao fogo com 1 copo de água. Deixe dissolver lentamente, mexendo de vez em quando com uma colher de pau. Junte a casca do limão e deixe tomar gosto. Despeje a polpa dos caquis, retire a casca do limão e cozinhe em fogo brando. Mexa frequentemente porque a geléia a medida que encorpa gruda no fundo da panela. Não espere ficar densa para começar a fazer o teste no prato. De acordo com que  esfria, a geléia tem sua textura mudada.

Logo que atingir o ponto, desligue o fogo e siga a dica de como guardá-la no link lá encima.


4 comentários:

  1. Parabéns pelo seu blogger, gostei muito, ser você quiser me visita no meu blogger tem bastante coisa legal, tem moranguinha jogos, Escreva seu nome japonês, dicas de blog como ganha dinheiro ou mais visita no blogger, relógio e calendário com sua foto, album foto, desenho anime, poema, poesia, frases, musica, radio, msn nick, mario bros, mapa do google, cria texto avatar, curso de inglês, japonês, italiano, hebraico, chinês, bbb10, torpedo grátis, Criar uma imagem Glitter, noticia da copa da africa do sul, dicas de como ganha dinheiro na internet, viaja, etc..

    http://bloglegalnovo.blogspot.com

    ou

    http://www.up.dahora.net

    Espero que você seja meu seguidor

    ResponderExcluir
  2. Olá Alecrim,
    Eu também não sabia que caqui tinha essas versatilidades. Que bom!!! Mas caqui in natura, meu Deus, é uma delícia!!!
    Beijos e obrigada por comentar lá no meu cantinho.

    ResponderExcluir
  3. Que legal! Nunca experimentei absolutamente nada feito com caqui. Só como a fruta mesmo!
    Tenho a maior vontade de fazer geléias e vou ver as dicas lá no link indicado.

    Mega beijos!

    ResponderExcluir
  4. BOM DEMAIS, GENTE??
    DE MANHÂ COM PANQUECAS DE RICOTA...HUMMMMMMMMMMMMMM!!
    DOIDO PRA CHEGAR DOMINGO...DIA DE PANQUECA DE MANHÃ!!!

    AMOR, TA!!
    VAMOS ESTREAR AS PANELAS NOVAS QD????
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir

Obrigada por seu comentário. Isso me incentiva muito.